Maria Rita e Casuarina na Fundição Progresso

09/12/2016 | Maria Rita e Casuarina na Fundição Progresso

Maria Rita e Casuarina na Fundição Progresso

 

No próximo dia 09 de dezembro, sexta, Maria Rita e Casuarina voltam a se encontrar no palco da Fundição Progresso, reeditando parceria de longa data. Além de terem se apresentado juntos diversas vezes ao longo de suas carreiras, Maria faz participação no novo álbum do Casuarina, “7”, na faixa “Eu Já Posso Me Chamar Saudade”, composição de João Cavalcanti e Moacyr Luz.

Além da intimidade entre si, é inegável a intimidade entre os artistas e a casa. Maria Rita retorna à Fundição Progresso um ano após o encerramento magistral da turnê “Coração a Batucar”, que lhe rendeu o CD e DVD “O Samba em Mim - Ao Vivo na Lapa”. Em seu novo trabalho, Maria continua enveredando por aquele que é considerado por muitos o gênero mais brasileiro de todos: o samba. Em “O Samba da Maria”, a artista apresenta um repertório de 20 canções de valor afetivo para ela, desde Zeca Pagodinho, Arlindo Cruz, Jorge Aragão, Alcione, Beth Carvalho, o samba-enredo da escola paulista “Vai-Vai”, e até a intensa “Beijo Sem”, de Adriana Calcanhoto - além, é claro, de sucessos de sua mãe, Elis Regina.

 

O show se dá sob atmosfera intimista, bem próximo ao público, com Maria disposta num semi-círculo, junto com seus músicos Davi Moraes (guitarra), Fred Camacho (banjo e cavaquinho), Andre Siqueira e Marcelinho Moreira (percussão). Eles trarão, ainda, uma composição inédita: “Cutuca”, parceria de Maria, Davi, Fred e Marcelinho.

 

Já o Casuarina retorna à Fundição após roda de samba que comemorou os quinze anos do grupo, formado por Daniel Montes (violão de 7 cordas), Gabriel Azevedo (pandeiro e voz), João Cavalcanti (tantan e voz), João Fernando (bandolim e vocais) e Rafael Freire (cavaquinho). No repertório, sucessos como “É Isso Aí” (Sidney Miller), “Cabelos Brancos” (Herivelto Martins / Mariana Pinto, “Disritmia” (Martinho da Vila), “O Dia se Zangou” (Mauro Diniz / Ratinho), “Minha Filosofia” (Aluízio Machado) e “Rosa Morena” (Dorival Caymmi) estarão lado a lado com a nova safra autoral presente no recém-lançado disco “7”, como as músicas "Queira ou Não Queira" (João Cavalcanti / Alaan Monteiro), "Rasteira" (Gabriel Azevedo) e "Quando Você Deixar" (João Cavalcanti).